Vamosaprender's Blog

Curiosidades, aprender fazendo e criação

Passei para dizer….

fonte:http://www.glimboo.com

Anúncios
Deixe um comentário »

Toda rotina tem sua beleza

 
A ideia é a rotina do papel.
O céu é a rotina do edifício.
O inicio é a rotina do final.
A escolha é a rotina do gosto.
A rotina do espelho é o oposto.
A rotina do perfume é a lembrança.
O pé é a rotina da dança.
A rotina da garganta é o rock.
A rotina da mão é o toque.
Julieta é a rotina do queijo.
A rotina da boca é o desejo.
O vento é a rotina do assobio.
A rotina da pele é o arrepio.
A rotina do caminho é a direção.
A rotina do destino é a certeza.
Toda rotina tem sua beleza.

 Autor: Paulo Leite

Deixe um comentário »

Boliche de monstro

Mais uma ideia do professor Sassá….

5.jpg

Você vai precisar de:
– Fita adesiva
– Retalhos de fita adesiva
– Frascos de xampu
– Folhas de jornal

1.JPG

Pegue uma embalagem vazia de xampu e lave bem. Quando ela secar, comece a colar os elementos para formar seu monstro-boliche.

2.jpg

Cole os olhos e o nariz. Deixe a boca por último, para acertar a altura na embalagem. Ah, não se esqueça de colar os dentinhos dentro.

3.jpg

Em seguida, faça as bolas. Amasse bem o jornal até formar uma bolinha. Depois, encape-a toda com a fita adesiva colorida. Faça várias: se perder uma, tem mais. E pronto! Agora, é só posicionar os pinos a certa distância e jogar as bolinhas. Ganha quem conseguir derrubar mais peças.

foy.jpg

fonte: http://blogs.estadao.com.br/estadinho/2011/01/29/boliche-de-monstro/

Deixe um comentário »

Para pensar

[al016[1].png]

bjinhos…

Deixe um comentário »

Dia dos Pais

 

fonte: http://www.orkugifs.com

Deixe um comentário »

Cuca – Folclore

A Cuca é uma importante e conhecida personagem do universo do folclore brasileiro. É representada por uma velha, com cabeça de jacaré, que possui uma voz assustadora. De acordo com a lenda, a Cuca assusta e pega as crianças que não obedecem seus pais.

Acredita-se que esta lenda tenha surgido na Espanha e Portugal, onde tem o nome de “Coca”. A lenda teria chegado ao Brasil junto com os portugueses durante o período da colonização.

Ao chegar ao Brasil, a figura da Cuca passou a ser representada, em muitas regiões, como uma velha brava com cabelos compridos e desgranhados, semelhante a uma bruxa.


Cuca feita de caixas

Máscara

Vamos desenhar a Cuca

Deixe um comentário »

Curupira – Folclore

                                 Olá! Eu sou o Curupira, moro na Amazônia e sou um menino embora meu nome termine em A. Não sou muito alto não, mas também não sou baixinho. Sou ruivo por parte de mãe e por parte de pai. Eu acho, não sei bem. Tenho os pés com calcanhares pra frente e quando eu quero ninguém me acha.

Minha fruta predileta é manga, ainda bem que tem muito na mata que eu moro e das bem docinhas. Uma das coisas que eu mais gosto é ficar na sombra das árvores comendo frutas. Não é fácil me ver, eu me escondo bem, e se alguém tentar me ver eu saio correndo e não deixo nem pegada, quer dizer, deixar pegada eu deixo, mas quem é que entende um rastro de pés virados pra dentro? É difícil.

Eu sou protetor das matas. É, sou meio superherói. Não gosto de caçadores e nem de ninguém que queira destruir a floresta porque a floresta é a minha casa. Minha e de mais um montão de bichos, plantas e seres da natureza. Por isso eu cuido dela e quando vejo alguém que possa ameaçar essa natureza eu jogo meu encanto e faço a pessoa ficar perdida na floresta, muito, muito, muito tempo. Até eu cansar e a pessoa ficar com muito medo de mim e ir embora.

Eu sou muito curioso. Muito mesmo. Por isso, um dos jeitos de me deixar distante é fazer uma bolinha de cipó com uma trança e me desafiar pra encontrar a ponta da bolinha. Eu vou correndo e pego aquela bolinha e fico mexendo nela de um lado, do outro e quando eu vejo a pessoa fugiu. Foi embora.

Meu prato predileto é salada de folha de manga e o meu sonho é ver a Amazônia protegida de todo perigo e sempre linda e cheia de árvores grandes, rios limpos e passarinhos. Eu adoro passarinhos.

fonte: http://www.smartkids.com.br/especiais/folclore-curupira.html

Trilha do folclore

Que tal um jogo?!

fonte: http://alfabetizandocommonicaeturma.blogspot.com.br

Jogo dos 7 erros

[Digitalizar0033.png.jpg]

Dobradura do Curupira

Deixe um comentário »

Que fofura!!!!

Acabo de encontrar na revista Monet os filhos das princesas…veja que gracinha!!!

Obra de uma artista sueca e membro da comunidade de arte digital devianART.

Aladdin

A Pequena Sereia

Mulan

Hércules

Tarzan

A Princesa e o Sapo

Enrolados

Pocahontas

A Branca de Neve e Os Sete Anões

Cinderella

A Bela Adormecida

Fonte: http://www.revistamonet.com.br

3 comentários »

Saci – 2

 

 

 

Deixe um comentário »

Saci

O Saci-Pererê é uma lenda do folclore brasileiro. Tem origem indígena, mas acabou incorporando outros elementos das culturas africana e portuguesa.

Dizem que o Saci – também chamado “Matitaperê” – é um negro pequeno, de uma perna só, que usa uma carapuça vermelha e fuma um cachimbo. Faz bagunça na vida das pessoas: quebra coisas, esconde objetos, faz as pessoas tropeçarem, assusta os bois no pasto e muito mais, só para se divertir.

Mas por que ele tem só uma perna? Reza a lenda que o maluco do Saci brincava de girar que nem pião, pulando numa perna só. As crianças geralmente gostam de ficar dando voltas até ficarem meio zonzas e ele fazia isso por ser um verdadeiro moleque. O problema é que para girar daquele jeito dele, é preciso encolher uma perna. Ele gostava tanto de brincar assim, que a perna que ele encolhia foi ficando fraquinha e ele a perdeu. Só não perdeu o gosto pela brincadeira, e até hoje, onde se vê um redemoinho, pode acreditar que há um saci provocando a espiral de vento, girando numa perna só.

 

[A_OS_SONHOS_DO_SACI.jpg]

 

fonte: http://www.maped.com.br/blogmaped/saci-decoracao-de-lapis/

Pegando saci

Dentre suas aventuras, Pedrinho conseguiu, auxiliado pelo Tio Barnabé, prender um saci dentro de uma garrafa. Depois, resolveu soltá-lo e os dois tornaram-se grandes amigos. Vamos colocar um saci dentro da garrafa?

Receita pra pegar Saci:

O único jeito de capturar essa criatura é com garrafa de vidro, rolha, peneira e tinta vermelha. Quando um saci está para aparecer, ouve-se um assobio misterioso e longo. Ele se aproxima geralmente no meio de um rodamoinho. É necessário jogar a peneira sobre ele e colocar a garrafa sob a peneira, para o Saci entrar dentro dela. Daí é só tampar o recipiente com a rolha e marcar nela uma cruz com a tinta vermelha. Mas é preciso cuidado para não deixá-lo escapar, ou ele tentará se vingar de você…

Materiais:

★ 1 garrafa pequena transparente

★ papel color set preto

★ 1 pedaço de TNT vermelho

★ 1 pedaço de papel cartão ou color set vermelho

★ cola branca         tesoura            fio de nylon

1. Corte o saci conforme o molde. Cole o lenço, os olhos, o cachimbo e a boca.
2. Cole no lenço um pedaço de fio de nylon.
3. Dobre-o ao meio para colocá-lo dentro da garrafa.
4. Faça um furo na tampa e passe o fio de nylon por ela.

fonte: Guia da Ed. Infantil

Deixe um comentário »